Crítica | Dupla Explosiva 2: E a Primeira-Dama do Crime

Apostando na dinâmica entre Ryan Reynolds e Samuel L. Jackson, Dupla Explosiva chegou aos cinemas em 2017, misturando os gêneros de ação e comédia em um tipo de buddy-cop movie. Apesar de não ter agradado a todos da crítica, o sucesso foi o suficiente para uma sequência, que explora situações ainda mais inusitadas e exageradas, além de dar mais destaque para a personagem de Salma Hayek. Na trama, o guarda-costas Michael Bryce decide tirar férias, mas precisa voltar à ativa para salvar o assassino Darius Kincaid com a ajuda de Sonia e deter um novo inimigo.

Dupla Explosiva 2, definitivamente, não é um filme para se levar à sério, funcionando bem como um longa de ação escapista. Há muitas cenas absurdas, sempre trabalhando com um tom irônico, fazendo-o parecer uma paródia de outros projetos do gênero. Deixando as incoerências narrativas e divagações do roteiro de lado, é possível se divertir com as sequências de ação bem-humoradas e até alguns twists criativos.

Esta continuação tem como grande foco o trio protagonista, que possui muita química quando estão juntos, explorando o fato de que todos estão sempre irritados e gritando uns com os outros. O personagem de Ryan Reynolds é um dos que possui maior desenvolvimento e ganha um background interessante envolvendo sua família, motivando suas ações no longa. Samuel L. Jackson está ainda mais à vontade no papel, mas quem realmente brilha é Salma Hayek, fazendo uma personagem energética e caricata. Desta vez, o vilão é Aristotle Papdopolous, vivido por Antonio Banderas, mas ele não passa a sensação de ser uma verdadeira ameaça, assim como fica de lado durante boa parte da trama. A produção ainda conta com um elenco estrelado – incluindo algumas surpresas que foram reveladas no material promocional – mas todos em papéis secundários e com pouco destaque.

Com uma duração mais concisa e uma proposta mais ousada, Dupla Explosiva 2 consegue se sair melhor que seu antecessor. É uma boa opção de entretenimento para quem procura uma diversão escapista com grandes nomes de Hollywood.

Dupla Explosiva 2: E a Primeira-Dama do Crime está em cartaz nos cinemas.

Dupla Explosiva 2: E a Primeira-Dama do Crime
3

Comentário do Crítico

Com cenas de ação divertidas e uma ótima química entre os personagens, a sequência é uma opção para quem procura uma diversão escapista.

Deixe um comentário

Seu email não será publicado

Start typing and press Enter to search